Contatos: (11) 3142-9676 / 3257-8717 / WhatsApp: (11) 97485-5700 - Seg. à Sex. das 09h00 às 22h00 e Sáb. das 09h00 às 18h00.

HomeTecnologiaÉ vinil, mas não é! Conheça o disco de madeira que reproduz gravações

É vinil, mas não é! Conheça o disco de madeira que reproduz gravações

Depois de testar as suas gravações musicais em em acrílico e papel com corte a laser, a Engenheira de Software Amanda Ghassaei apresenta gravações feitas em madeira e disponibiliza as instruções para você poder transformar seus próprios downloads em “discos de vinil”… Que não são de vinil, e sim de madeira.

djban-emc-vinil_laser_002

Ghassaei já tinha utilizado uma impressora 3D para imprimir suas gravações em MP3, mas a técnica não era viável para o público final. Então ela buscou uma outra solução e projetou as gravações realizadas em papel, acrílico e madeira.

djban-emc-vinil_laser_003

Ela criou um arquivo de forma de onda digital do MP3, converteu em PDF para gerar um arquivo vetorizado e utilizou uma máquina de corte a laser para produzir as gravações em madeira.

djban-emc-vinil_laser_004

Os sulcos das gravações na madeira têm duas vezes a espessura dos sulcos dos discos de vinil, porque a resolução do laser é maior do que as prensas. Isso significa que a qualidade não é tão boa como vinil e apenas três minutos de música ficam gravados em cada lado do disco de madeira.

djban-emc-vinil_laser_006

Mas como qualquer nova tecnologia os próximos passos serão para aperfeiçoamento e assim logo mais você poderá transformar suas música favoritas em gravações reais feitas em madeira.

djban-emc-vinil_laser_007

Só não vai pedir emprestado aquele móvel antigo da família, ou a mesa da sala de jantar. Talvez sua mãe não goste da ideia.

Laser Cut Record from Amanda Ghassaei on Vimeo.

Facebook Comments

Written by

<p dir="ltr">Camila Giamelaro é uma mulher multitarefa no cenário eletrônico nacional. Com formação em publicidade, sempre teve na veia jornalismo e no final dos anos 2000 criou o blog Caixa Direita, voltado para a música eletrônica. Desde então, colaborou com sites e revistas como House Mag, Phouse, Psicodelia.org e DJ Music, foi Coordenadora de Mídias Sociais e editora do blog da DJ Ban e booker na Agência Tune.</p> <p dir="ltr">Hoje atua como professora de Imagem e Comunicação para Artistas na DJ Ban e está a frente da agência GIG, uma agência dedicada ao mercado de música eletrônica que trabalhou com clientes como Pioneer DJ, Warung Tour São Paulo, D-Nox, Boris Brejcha, entre outros.</p> <p dir="ltr">Também é DJ e produtora musical da dupla Binaryh.</p>

No comments

Sorry, the comment form is closed at this time.