HomeTecnologiaConheça o mixer Pioneer DJM-850

Conheça o mixer Pioneer DJM-850

Depois de sacudir o mercado dos DJs com o DJm-900 Nexus no ano passado, a Pioneer apresenta agora o DJM 850, substituto do DJM 800. O lançamento tem a mesma cara da versão anterior, recursos herdados do DJM 900 e  algumas melhorias bem interessantes.

Características

– Placa de som integrada: Com processamento de 24-bit/96KHz e três taxas de amostragem (44.1KHz, 48KHz e 96KHz). A conexão com computadores pode ser feita a partir da porta USB localizada na parte de cima do mixer, basta plugar no computador. Um dos pontos mais legais é o fato do mixer ser compatível com DVS, assim usuários de softwares (como o Traktor) poderão utilizar CDs e Vinis via timecode no mixer.

– Beat Colour Effects: Novidade da Pioneer na indústria musical, agora os Colour Effects podem ser utilizados com sidechain, técnica muito utilizada em estúdio, onde a dinâmica de um canal é alterada em função do que toca em outro canal. Com o Beat Colour ativado, o mixer “lê” o que está entrando de áudio em cada canal . Assim os Colour Effects podem ser usados em um canal em função do que está tocando em outro canal. Loucura? Dá uma olhada no vídeo:

– Beat Effects: O mixer oferece 13 Beat Effects. As novidades ficam por conta do Spiral Effect e o Reverb de extrema qualidade, introduzidos no DJM 900. Quem já brincou num desses sabe a diferença que esses efeitos podem fazer. Além disso o 850 traz também um novo efeito, o UP Echo, voltado para um mix mais reservado. 

– Fx Boost: A função permite que o knob Level/Depht trabalhe melhor do que um controle regular de Wet/Dry. Virando-o para a posição 12 horas a resposta é de um efeito completo (full Wet) e virando adiante é possível adicionar Pitch Up ao Up Echo e High-Pass Filter ao Reverb.

O DJM 850 é totalmente mapeável, ou seja, todos os seus botões e faders podem ser utilizados para controlar via MIDI.  Destaque também para um novo mecanismo de proteção dos faders, o que aumenta a durabilidade dos mesmos e faz com que umas gotas de cerveja derramadas não estrague a festa.

Entradas e saídas

O DJM 850 deve chegar ao mercado europeu e americano no final de Março de 2012, e em outros países, como o Brasil, com alguns meses de atraso. O preço ficará abaixo do valor do DJM 900. Outras fotos e informações podem ser encontradas no site da Pioneer

Quer estar sempre informado? Então siga nossas atualizações diárias de posts, informações e vídeos no Twitter e Facebook.

Facebook Comments

Por:

A DJ Ban é uma empresa fundada em 2001 e sediada em São Paulo. Entre as áreas de atuação estão cursos, loja, TV, estúdios para treino e gravação de sets, palestras, locação de equipamentos, eventos, e outras atividades ligadas a música eletrônica.

  • Gostaria de saber a faixa de preço, e prevista pra quando o lançamento do DJM 850?

    • Olá Alexandre, tudo bem?
      Infelizmente não temos como prever, pois o preço final e está atrelado a uma série de fatores. Assim que tivermos essa informação postaremos aqui.
      Um abraço!

  • A Pioneer como sempre sacaneando o consumidor! Primeiro lançou o DJM 2000 como Top de linha, que foi superado pelo DJM 900 por ser mais pratico, ter quase os mesmos efeitos e menos caro! Lança o DJM 900 diz que é o substituto do DJM 800 agora vem com a palhaçada de que DJM 850 é o substituto do DJM 800, acrescenta o Beat Colour Effects e um outro efeito UP Echo e diminui a quantidade de COLOURS EFFECTS???
    Porque eles então não lançaram um mixer substituto do DJM 900, tipo o DJM 950 com os 6 Colours effects + o Beat Colours Effects + o novo efeito Up Echo ??? Esse caras da pioneer só tão fazendo o que querem e não leva em consideração o que o consumidor investiu num DJM 2000 ou num DJM 900, lançando um mixer superior, com 3 recusos a menos que o DJM 900 e menos caro?
    Me sinto lesado pela Pioneer!
    Espero que a Denon ou Numark (que pra mim já superou a Pioneer em controladoras), deem uma resposta à altura da Pioneer lançando um super mixer de qualidade com preço mais em conta, pra quebrar de vez com esse monopolio da PIONEER!

    • Olá Leonardo, interessante sua observação.
      Mas acho que a Pioneer, como qualquer empresa atualmente (seja de áudio ou não), procura a maior segmentação possível de seus produtos, buscando atender diferentes necessidades e classes econômica. Isso tem acontecido também com CDJs e controladores, e a tendência é que isso ocorra cada vez mais, com mais tipos de equipamentos.
      Além disso há uma corrida tecnológica muito acirrada entre as maiores empresas, é só ver a quantidade de equipamentos e novas tecnologias que nós noticiamos no ano passado. Por um lado, isso faz com que haja uma oferta maior de produtos e a garantia de uma evolução tecnológica que parece não ter limites. Mas por outro lado os equipamentos acabam sendo substituídos por outros mais rapidamente, parecendo obsoletos em menos tempo. Mas como disse, isso não é uma exclusividade do nosso mercado, é uma realidade global, em todos os segmentos.
      Nesse caso específico do DJM 850 eu acho que não é possível afirmar que ele seja superior ao DJM 900 e difícil compará-lo ao 2000, afinal eles têm propostas completamente diferentes. Fora que o 2000 não vingou, então a marca deve ter apressado o lançamento do DJM 900, que foi bem recebido pelos DJs.
      Também não acredito que foram “tirados” efeitos do 850, afinal, como sucessor do DJM 800, ele manteve os 4 beat colour Fx, substituindo Harmonic e Sweep por Noise e Gate. E acredito que o Up Echo não vai fazer muita falta para quem tiver o 900 em mãos, que tem também o X Pad como diferencial.
      São dois equipamentos diferentes, com preços diferentes.