HomeNotíciasAs 10 DJs brasileiras mais poderosas do momento

As 10 DJs brasileiras mais poderosas do momento

Em comemoração ao Dia Internacional da Mulher, realizamos alguns posts especiais sobre a data. Já falamos sobre as DJs gringas que arrebentam mundo afora e agora vamos falar sobre as brasileiras mais poderosas da atualidade.
Então… Prepara!

Anna

dj-anna-02

ANNA vem se firmando com inquestionável consistência dentre os grandes expoentes da música eletrônica mundial. Lançadas por selos como Turbo Recordings e Toolroom das lendas Tiga e Mark Knight, respectivamente, suas produções têm frequentemente alcançado posições de destaque em charts de vendas e dos maiores djs da cena da música eletrônica.
Esse ano assinou com a gravadora Virgin EMI com um remix para a dupla inglesa Gorgon City, que vem sido tocado constantentemente na BBC Radio 1. Também atraiu a atenção de Green Velvet que remixou sua track “Unique” para o selo Kraftek. Carl Cox e John Digweed também abriram espaço para ANNA em seus programas de rádio.
Já como DJ, Anna vem construindo uma sólida carreira que começou quando tinha apenas 15 anos, desfrutando de reconhecimento internacional. Em 2014 ANNA ganhou uma residência em um dos mais famosos clubs de Ibiza, o Blue Marlin, e ja passou por Dubai, China, França, Espanha, África do Sul, Inglaterra, India, México, Finlandia, Suiça, Guatemala, Santo Domingo, Croácia, Chipre.
E assim vai se concretizando o grande futuro deste belo talento, desta bela artista.

Eli Iwasa

eli-iwasa

Eli Iwasa, uma das sócias do Club 88 em Campinas, tornou-se conhecida por organizar o consagrado projeto Technova, no Lov.e Club, onde se passou um capítulo de grande importância da história da música eletrônica eletrônica no Brasil.

Tamanha bagagem resultou numa artista que rapidamente alcançou maturidade e respeito e que, musicalmente, destila suas diversas influências em envolventes jornadas pelo mundo do techno, do house e da sensibilidade feminina, e que levou Eli Iwasa a importantes clubs e eventos como D-Edge, Sirena, Garage, Kaballah Festival, XXXperience e Universo Paralello, assim como o Rex Club e Nouveau Casino em Paris, Moog e Macarena em Barcelona. Lançou a compilação mixada “Entourage Vol. I by Eli Iwasa” com faixas de DJ Hell, John Acquaviva, Renato Cohen, Amo & Navas, Victor Ruiz, entre outros. Atualmente, dedica-se à composição e gravação das músicas do Bleeping Sauce, banda eletrônica formada com Pedro Turra e Marco AS – conhecidos por seu projeto Click Box – com lançamento de seu primeiro EP pelo selo francês Meant, previsto para o primeiro semestre de 2014.

Groove Delight

djban-emc-groove-delight-01

Groove Delight é o projeto musical idealizado pela jovem artista paulista Ké Fernandes. Com influências diversas dentre Rock, New Wave, House e Techno, sua sonoridade reflete uma forte personalidade, mesclando groove e sínteses de nuances psicodélicas à industriais que resultam em produções sempre autorais e apresentações invariavelmente eletrizantes.

Desde 2009 vem conquistando o respeito do cenário eletrônico e hoje é considerada uma das maiores influencias femininas.

Suas produções receberam uma excelente resposta de artistas de renome mundial como Ritchie Hawtin, Laurent Garnier, Meme, Gabe, Antonio Eudi, Wehbba, Hernan Cattaneo, Olivier Giacomotto, Magda, Danny Tenaglia, Christian Cambas, Martin Roth, Roy Rosenfeld, Dave The Drummer, Min&Mal, Terry Francis, Spartaque, Marco Carola, Anderson Noise, UMEK e vários outros, além de contar com a grande admiração do público apreciador!

Violet

djban-emc-violet-01

Um novo projeto que já nasce carregado de experiência – o duo Violet, formado pelas DJs Any Mello, artista reconhecida Brasi afora pelo seu trabalho audiovisual ao lado de Victor Ruiz, eJessica Tribst, DJ residente do MOB Festival – Music on Board.

Any já rodou o país explorando seu lado VJ e desenvolvendo sua identidade visual para o techno autoral de Victor.

Jessica, DJ experiente, possui anos de estrada e influências diversas de quem já dividiu a arte de tocar com grandes artistas nacionais e internacionais.

Nesta nova empreitada, Violet apresenta à efervescente cena eletrônica duas histórias musicais somadas com destreza e sensibilidade.

Joyce Muniz

djban-emc-joyce-muniz-01

Joyce nasceu em São Paulo no ano de 1983. Em meados dos anos 90 chegou em Viena onde foi introduzida na cena da música eletrônica. Aos 16 anos de idade fez a sua primeira apresentação como DJ e a partir de então começou a colaborar e fazer grandes parcerias como vocal com Markus aka Dohelsky Shantis Roots (Viena), I-Wolf (Sofa Surfers / Klein Records), Stereotyp.
Em 2008, ela contribuiu com vocais para Cusmos (Herwig Kusatz ad Karl Moestls) com a faixa “Garoto” que foi lançado por Kruder&Dormeister pelo selo G-Stone. Nessa mesma época, Joyce Muniz fez colaborações com Flore, Buscemi e Skero.
Em junho de 2010, lançou “Get Your Conga On” pela Top Billin Records que saltou para os 20 primeiros colocados no site de downloads Juno. Na sequência, em agosto, lançou “Cumbia Loucura EP” com o parceiro Shanti, em NYC com o selo Sol*Selectas, alcançando a posição top 10 durante várias semanas no site Traxsource.com, ficando #9 durante todo o mês de agosto. O seu último lançamento solo chamado “Party Over Here” foi em novembro de 2011, pelo selo Shir Khan Exploited, e tem o apoio de muitos DJs pela Europa, sendo chamado pela DJ Mag como o “single electro do mês”.
Em reconhecimento ao seu trabalho com vocais, Joyce Muniz ganhou o prêmio Amadeus/Áustria (equivalente ao Grammy), pela participação vocal com Skero – rapper austríaco – com o hit “Kabininparty”, que levou o prêmio como “Melhor Canção do Ano”, além de outras indicações.
Com agenda de shows internacionais lotada, Joyce não deixa ninguém parado com o seu som único e diversificado, levando o público para uma viagem musical através das batidas afro, Tech Tropical, Electro e House: garantia de muita diversão nas pistas de dança!

Ale Rauen

djban-emc-ale-rauen-01

Quem conhece a curitibana Ale Rauen sabe muito bem o que significa a palavra “intensidade”. Ale é uma mulher de atitude, apaixonada, interessada por tudo que o mundo da música eletrônica oferece e, apesar de já poder dar aula sobre discotecagem, permanece sendo uma eterna aprendiz.
Com uma presença incontestável, Ale Rauen acredita na importância de ser um DJ e cumpre com perfeição o papel de atração principal na cena mainstream.
Ale possui 4 turnês internacionais na bagagem passando pelo Texas, Miami e Califórnia. A DJ também já tocou em grandes festivais no país como Ultra Music Festival, Helvetia, House Beach e Salvador Weekend, além, é claro, dos principais clubs aonde seu estilo se desdobra, passando por cidades de todo o país, como Sirena e Anzu em São Paulo, Green Valley em Santa Catarina, Garage em Cuiabá, Meat em Porto Alegre e Ego na Bahia.

Seu estilo é completamente versátil – Ale não fecha portas, mas abre suas opções para as pistas que encanta, mostrando o som que melhor se encaixa a cada uma delas com uma sensibilidade única, advinda unicamente do universo feminino.
Alegria, animação e muitos sorrisos é o que gosta de ver logo à frente de seus decks e, para isto, sabe exatamente qual é a fórmula. Seu estilo fez com que fosse convidada a ser curadora da marca de sucos premium de cranberry Pin Up, cujo website (pinupdrinks.com.br) recebeu sua primeira produção ao lado de Crypt Brazil, “Unresistible”.

Cris Proença

djban-emc-cris-proença-01

Cris Proença desponta como uma das principais musas da House Music nacional com sets que variam entre o Deep, Soulfull e o Progressive House.
Sócia e DJ do descolado club Provocateur, em São Paulo, Cris também foi sócia do label Kiss & Fly, sendo responsável pelo repertório e mixagens do CD oficial do club, um grande sucesso na crítica especializada, que conta com nomes como Swedish House Mafia, Avicii e Eric Morillo em sua tracklist.
Como produtora lançou a faixa “You’re a Star”, parceria com a cantora americana Paris Sharpe, que além de ser executada por grandes rádios em vários países, também entrou no chart “Top 40 USA National House Chart”, do conceituado site zipdj.com.
Cris Proença faz parte do seleto grupo de DJs que conseguem unir conceito, diversão e glamour em único set, tornando cada apresentação única.

DJ Cinara Martins

Performance

Influenciada principalmente por hip hop, estilo musical definido como “minha raiz, eu posso até tocar outras vertentes musicais, mas foi do hip hop que eu vim e sempre levo essa assinatura”, Cinara Loureiro Martins é conhecida em São Paulo pela residência, desde 2006, no clube Black Bom Bom. A DJ também trabalha com a cantora Leilah Moreno e ainda é uma das atrações da festa mensal “Segunda Brava”, ao lado de DJ Cia (RZO) e da lenda do rap paulistano KL Jay (Racionais MCs). Cinara também teve passagem pela Europa em 2010 durante um ano, na qual residiu em um clube em Madri e se apresentou na Itália, experiência que fez amadurecer sua discotecagem.

DJ Ingrid

djban-emc-ingrid-01

Ingrid Diniz, natural de Santos, se apaixonou por música eletrônica em Londres, no clube “The End” em 98. Ao pisar no clube, não conseguiu tirar os olhos da cabine do DJ, e foi, provavelmente, a última a ir embora naquela noite. Enfeitiçada pela atmosfera descoberta, decidiu que queria aprender a tocar. De volta ao Brasil, iniciou um curso de DJs, e depois de adquirir os equipamentos, começou a mixar. Em medos de 2000 já tocava profissionalmente, e foi convidada para entrar agência de Dj’s, a Hypno. Com muita dedicação, se firmou como DJ no cenário nacional, e em 2002 fez sua primeira grande aparição no Skol Beats (quando ainda era em Interlagos), e em 2003 recebeu o prêmio DJ Revelação da revista Cool Magazine.
Em 2008 foi indicada ao DJ Awards – categoria “dance Nation of the Year” – Pachá Ibiza.
Atua como produtora desde 2006. Em janeiro de 2008 lançou a faixa “Lover Boy” pelo selo Definittive Records, disponível no beatport. As faixas “Beladona” e “Los niños” foram lançadas pela compilação nacional “Deep vol1 e Deep vol 2”, respectivamente, através da Transmit Music em 2007.
A faixa “Mission of Luv” foi lançada no final de 2007 numa compilação dedicada à mulheres produtoras pelo selo francês falco Music – Djette vol 1.
Com set baseados na house music, variando um pouco pelas suas vertentes dependendo de cada pista, DJ Ingrid tem como artistas preferidos Seth Troxler, Steve bug, Solomun, Phonique, Matthias Tanzmann, Carl Craig, Booka Shade, Loco Dice, Mathias Kaden, Luna City Express, Josh Wink, Miss kittin, D’Julz, Dave Clarke, Butch, Manuel Tur, Sety, Martinez, H.O.S.H., Johnnie D, 2000 and one, Alex Celler, Oxia, Stimming, Michael Mayer, Layo & Bushwacka, Funk D’Void, Mark Romboy, Mad Zoo, Mau Mau, Renato Cohen, Kruder & Dorfmeister, os romenos da Arpiar (Pedro, Radhoo e Raresh), Luciano e, finalmente, Laurent Garnier.

Paula Chalup

djban-emc-paula-chalup-01

O estilo musical inconfundível e as mixagens precisas fizeram da DJ e produtora Paula Chalup uma das figuras centrais da cena eletrônica paulistana. Desde sua primeira residência no Hell’s Club, quando era conhecida apenas como DJ Paula, já se somam 17 anos devotados exclusivamente à música eletrônica, o que se traduz diretamente no amplo respaldo de crítica e público que angariou no decorrer desse tempo . Dedicando-se também à produção musical desde 1997, ela conquistou a América do Sul e voou com seu som para países como Argentina, Colômbia, Chile, Equador e Uruguai, chegando a cruzar o Atlântico e se apresentar em Paris, Londres e Amsterdã, bastiões da cultura eletrônica.
Vinda de uma sólida e consagrada tradição de DJs e produtores pioneiros que ajudaram a inserir o gênero na metrópole que hoje abriga a cena noturna mais vívida do continente, ela rapidamente se estabeleceu como um de seus principais expoentes. Agora como uma experiente e renomada artista, ela se firmou uma das residentes de maior destaque no clube D.EDGE e um trunfo para a agência do D.EDGE, agregando sua competência e talento ás fileiras já muito bem compostas da marca.

Facebook Comments

Por:

Camila Giamelaro é formada em publicidade, criou o blog Caixa Direita, colaborou com sites e revistas como House Mag, Phouse, Psicodelia.org e DJ Music, foi Coordenadora de Mídias Sociais e editora do blog da DJ Ban Hoje atua como professora de Imagem e Comunicação para Artistas na DJ Ban e está a frente da agência GIG, uma agência dedicada ao mercado de música eletrônica que trabalhou com clientes como Pioneer DJ, Warung Tour São Paulo, D-Nox, Boris Brejcha, entre outros. Também é DJ e produtora musical da dupla Binaryh.